sábado, 1 de maio de 2010

Cineasta americano mostra a morte das lojas de discos!



I Need that Record! The Death (Or Possible Survival) of the Independent Record Store é o documentário que investiga o porquê de mais de três mil lojas de discos, em todo os Estados Unidos, que tinham uma proposta independente, terem fechado suas portas nos últimos dez anos.

O cineasta Brendan Toller, em seu documentário, retrata como um poema triste, digno de um epitáfio, o declínio de uma sub-cultura importantíssima e, às vezes, silenciosa para muitas pessoas. Muitas vezes, um filme animado, que examina de forma agridoce e com humor cáustico a vida de quem se relaciona com música e discos; a franqueza é brutal, mas o resumo é o grande carinho pelo assunto. Música é um veículo inspirador, então este tema sobre o final das pequenas lojas se torna uma analogia simbólica de todas aquelas perdas que sentimos nos bairros, nos vizinhos, nos pequenos comércios; a evolução para um mundo veloz e sem identidade, todo amontoado em grandes redes.




O filme não tenta ser nostálgico nem panfletário, apenas mostra que evolução nem sempre soa como inovação ou que tecnologia seja algo de avanço, prova sim que muito que a música criou, foi criado com um espírito de tribo de grupo e a falta disso está óbvia na crise da indústria do disco. Legal ainda, são depoimentos de nomes como IAN MACKAYE, NOAM CHOMSKY, MIKE WATT, THURSTON MOORE, LENNY KAYE, CHRIS FRANTZ, GLENN BRANCA, entre outros.

Aqui no Brasil, e se resumindo a São Paulo, a Galeria do Rock tem mudado seu perfil, investindo mais na diversificação de produtos, uma vez que os discos já não representam a grande força do espaço e centenas de lojas têm fechado suas portas, porém lá ainda resiste Luiz Calanca, com a sua Baratos Afins; outra loja que também representou uma ideologia foi a ”Nuvem Nove”, que fechou suas portas em 2008 gerando um documentário, informal, sobre o fato; a Museu do Disco, a Hi-Fi, a Indie Records, a Wop-Bop, a Studio Tan, a Record Runner e tantos outros nomes, cada um em seu bairro ou cidade, devem estar pensando com saudade naquelas “lojinhas” que faziam salivar os amantes dos discos, mas que, já não estão mais por aí; uma pena !Estes rituais eram saudáveis e estimulantes e os grandes ensinamentos musicais eram transmitidos por via oral, como em velhas celebrações ancestrais.

Trailler:


Mais infos:

http://www.ineedthatrecord.com/Site/I_Need_That_Record_on_DVD.html

Via Estudio 2002

Nenhum comentário:

Postar um comentário